CONTATO

Quer conversar?

Envie sua mensagem para formandofocas@gmail.com

Será um prazer!

10 ideias sobre “CONTATO

    1. pattypaixao Autor do post

      Oi, Camilla!

      Tudo bem?

      Chamamos de matéria os diferentes tipos de textos jornalísticos informativos. A matéria pode ser uma reportagem, uma entrevista, uma nota, um perfil, enfim. Generalizamos esses tipos textuais que pertencem ao campo da informação num único termo, o termo “matéria”. Quando digo que estou trabalhando numa matéria é o mesmo que dizer que estou fazendo um texto jornalístico informativo, que envolve apuração. Como eu disse antes, esse texto pode ser uma entrevista, uma reportagem ou um perfil. Deu pra entender?

      Espero que sim 🙂

      bjo

      Curtir

      Resposta
  1. Julia Garcia

    Oi Pati, tudo bem?

    Com o desemprego à solta, estou tentando me tornar uma jornalista freelancer, pensando em pautas para determinados veículos de comunicação e fazendo as reportagens.

    Mas e depois?

    Como posso publicar essas matérias?
    Envio via email para repórteres ou editores?
    O contato por facebook, twitter e linkedin também é válido?

    Quais as técnicas para que eu seja bem sucedida em ser publicada?
    Devo enviar o email com texto no corpo e imagens via link ou envio um arquivo anexo?
    Devo dar um preço para minha reportagem ou o editor é quem decidirá?

    É válido enviar matérias que sejam publicadas sem custo apenas para ganhar portfólio?

    Estou perdida nesse mundo freelancer!

    Bjo

    Curtir

    Resposta
    1. pattypaixao Autor do post

      Oi, Julia, tudo bem? Obrigada por acompanhar o blog 🙂

      Bom, vamos ver se consigo te ajudar.

      É válido mandar por e-mail e pelo perfil do jornalista no Facebook (tente os dois). Deixe seu telefone, caso ele tenha interesse em te procurar, e coloque confirmação de leitura no e-mail. Se for no Face, é só ver se ele visualizou.

      Pergunte se ele tem interesse em comprar a matéria. Eu acho que a gente sempre tem que tentar vender, quando já somos formados. No caso de ser estudante, aí até vale oferecer de graça para ter portfólio.

      Para que sua matéria fique atrativa, é preciso estudar bem a linha editorial do veículo, que tipos de matéria costumam entrar nele, com qual abordagem, estilo do texto, da diagramação, enfim. Eu aconselho a enviar a matéria completamente pronta, diagramada. Estude também as edições anteriores para realmente propor algo inédito. Lá na fanpage do Formando Focas eu publiquei um vídeo pra quem quer oferecer freelas, e tem esse passo a passo.

      O valor você mesma pode propor com base na tabela presente no site do Sindicato dos Jornalistas de SP.

      Boa sorte!!

      bjão 🙂

      Curtir

      Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s